Tempo de Leitura: 4 minutos

O cenário político atual do Brasil vem demonstrando bastante instabilidade. Como resultado, percebemos reflexos diretos nos setores econômico e social do país. Diante de escândalos de corrupção no mundo corporativo, aumenta a exigência para que grandes corporações adotem mecanismos de transparência em diversas frentes. Como é o caso dos patrocínios e doações que iremos falar neste post.

Os avanços tecnológicos também contribuíram significativamente para os riscos de violações das legislações.  Consequentemente, isso fez com que o combate à corrupção se tornasse algo mundial, diante das transações internacionais. Por esses motivos, estamos vivendo em tempos de grande relevância do tema compliance dentro das corporações.

Os programas de compliance criam mecanismos para que as empresas ajam em conformidade com a legislação. Tais ações envolvem práticas de conscientização dos funcionários quantos às regras a serem cumpridas. Além de investigações sobre potenciais violações das políticas empresariais.

Portanto, a partir do compliance, as companhias conseguem mostrar sua integridade e pautar suas relações com os stakeholders na confiança. Essas iniciativas abrangem todas as áreas das corporações, inclusive aquelas que tradicionalmente cuidam de processos de patrocínios e doações.

Doações, patrocínios e compliance: como essas práticas se relacionam?

A transparência e o controle são dois dos aspectos mais importantes de um programa de compliance. Antes, os processos era realizados de maneira informal e sem procedimentos de controle e registro. Com o passar do tempo sofreram transformações para minimizar as falhas.

Como resultado do envolvimento das companhias como um todo, esses programas acabam gerando impactos para quem executa os processos de doações e patrocínios.

Uma das principais mudanças que observamos é o aumento da rigorosidade dos investidores sociais quanto aos documentos solicitados aos proponentes – não só a documentação da pessoa jurídica, mas também dos representantes legais e dirigentes das organizações. Esse procedimento visa a proteção da empresa de problemas reputacionais, decorrentes de eventuais irregularidades e mau uso dos recursos.

Outra mudança importante é a adoção de ferramentas e plataformas que digitalizam processos, que historicamente eram realizados de forma analógica / manual, dificultando auditorias futuras sobre as tomadas de decisão e também sobre a memória do andamento dos projetos. Em virtude da maioria das equipes que cuidam dos patrocínios e doações serem bem enxutas, qualquer mudança no quadro poderia representar a perda da memória de anos anteriores.

Além disso, vários processos seletivos que antes eram feitos de forma direta, estão dando espaço para a abertura de editais. Com eles, os investidores sociais passam a oferecer oportunidades para a sociedade de maneira mais transparente e imparcial, deixando claro quais os critérios de escolha e o fluxo de solicitações de patrocínio.

O edital pode ser uma importante ferramenta de transparência no relacionamento entre uma companhia e a comunidade. Além de deixar mais claro como o processo de tomada de decisão é realizado, essa prática muitas vezes é acompanhada de avaliadores externos que dão um olhar mais técnico e menos pessoal

Como o Prosas pode ajudar nas práticas de compliance

O Prosas é uma plataforma que foi criada para permitir mais controle e transparência para patrocinadores e investidores sociais, tornando ainda mais acessível a adaptação dos investidores sociais à essas novas exigências.

Basicamente, apoiamos três grandes processos das áreas de doação e patrocínios:

Seleção de projetos: é possível criar um fluxo de recebimento de projetos a partir de formulários personalizados via plataforma, que podem ser acessados e avaliados via um painel de controle. As pessoas envolvidas no processo de avaliação podem ser convidadas, com diferentes permissões de acesso, para registrarem os seus pareceres e decisões (que ficam registrados na plataforma). Ou seja, caso algum processo precise ser auditado no futuro, todas as avaliações e argumento de escolha ficam registradas.

Monitoramento de projetos:  os projetos apoiados pelo investidor social, sejam eles selecionados ou não via Prosas, podem ser acompanhados pela plataforma. Os empreendedores podem registrar evidências da execução dos projetos e os patrocinadores podem acompanhar o andamento de cada uma das metas dos projetos. O Patrocinador pode, inclusive, tornar pública a página com os resultados de cada projeto.

Divulgação de editais e oportunidades para projetos: o Prosas conta com uma rede de mais de 70.000 usuários que acessam a plataforma em busca de oportunidades de captação de recursos. O Prosas pode dar transparência para editais e chamadas de projetos da sua empresa para essa rede – e também em outros canais de divulgação.

Os programas de compliance continuam se disseminando no setor corporativo e as técnicas estão cada vez mais avançadas. Utilizar ferramentas para garantir o sucesso das ações de conformidade é um caminho prático e seguro.

Apresentamos o Prosas como uma plataforma que garante transparência e confiabilidade para patrocínios e doações. Conheça nossas ferramentas disponíveis para otimizar a seleção de projetos sociais.