Tempo de Leitura: 3 minutos

É comum, após muitos esforços para a realização de um edital, que os patrocinadores se sintam ansiosos para notar os resultados positivos nos números de inscrições. Questionamentos do tipo “coloquei meu edital no ar na semana passada e ainda não tivemos nenhuma inscrição!” são recorrentes, inclusive aqui no Prosas, e por isso viemos trazer uma mensagem para acalmar os ânimos dos diversos investidores sociais que nos acompanham.

Para começar, tenha em mente: é curioso, mas as pessoas deixam tudo para a última hora! O seu edital não está performando mal somente porque registrou um número baixo de inscrições nos primeiros dias. Abaixo, trazemos o resultado do levantamento que fizemos com alguns dos editais mais recentes que receberam inscrições pela nossa plataforma:

– 82% das inscrições aconteceram na última semana;

– 76% das inscrições aconteceram nos últimos três dias;

– 55% das inscrições aconteceram no último dia.

Observando o gráfico de um edital que se encerrou recentemente, temos:

As inscrições começaram a aumentar apenas ao final do prazo de inscrições, com maior concentração nos últimos dias. Das 549 propostas recebidas durante o período regular, 58% foram enviadas entre os três últimos dias do encerramento do Edital.

Esse mesmo edital foi prorrogado no dia 19 de fevereiro, último dia do período regular, e ao observar o comportamento das inscrições na prorrogação, temos:

406 propostas foram enviadas nesse período, ou seja, 42% do total, enquanto o último dia da prorrogação registrou 28% das propostas enviadas, confirmando o ponto de que as pessoas deixam realmente as inscrições para o último dia.

Algumas questões podem influenciar nesse comportamento, como, por exemplo: editais mais complexos, que envolvem muitas perguntas e documentos solicitados, tendem a ter uma concentração ainda maior de inscrições perto da data final. Mesmo assim, simplificar demais o regulamento não é garantia de que as inscrições terão um comportamento diferente.

Uma dica importante é pensar em ações de divulgação, como campanhas pelas redes sociais, e intensificar o contato com os empreendedores que estão se inscrevendo. Manter uma equipe de suporte disponível para tirar eventuais dúvidas sobre a chamada é fundamental para garantir o sucesso do edital.

Muitos investidores sociais optam por prorrogar seus editais com receio que o baixo número de propostas possa prejudicar a seleção. Entretanto, é necessário acompanhar o desenvolvimento do processo com calma e aguardar os últimos dias para realmente se inteirar sobre o fluxo das inscrições, já que o maior volume virá nos últimos momentos do seu edital.