Tempo de Leitura: 3 minutos

Você sabia que 28 de abril é o Dia Mundial da Educação?  A data foi escolhida durante o Fórum Mundial de Educação realizado em Dakar, no Senegal, no ano de 2000. Na ocasião, 164 nações assinaram um documento que estabelecia uma agenda para a educação. Está agenda é norteada por seis metas que deveriam ser alcançadas até 2015.

Entretanto, durante o Fórum Mundial da Educação em Seul, em 2015, um novo documento precisou ser registrado. Dessa forma. foi determinado que o ano de 2030 será o novo prazo para cumprimento das metas de Dakar.

O Brasil participou dos dois encontros, se comprometendo a investir de 6% a 7% do seu Produto Interno Bruto (PIB) em Educação. Mas, apesar de cumprir o percentual estipulado, os resultados alcançados ainda não cumprem os propósitos firmado nos Fóruns.

E para ressaltar a urgência da causa no Brasil, a Fundação Roberto Marinho, em parceria com o Canal Futura, criou a campanha #Nem1PraTras, iniciativa que visa mobilizar a sociedade em prol da garantia do direito ao acesso à Educação. Inspirada no lema “No one left behind”, (Não deixar ninguém para trás), dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável – ODS (ONU), a mobilização se deu presencialmente e também nas redes sociais.

Editais para a área da Educação

Desde do último dia 02, diversas ações vêm sendo realizadas por mais de 30 empresas que aderiram à causa, e o Prosas é uma delas.

Para contribuirmos ainda mais com a ação, trouxemos um comparativo entre os editais cadastrados em nossa Central, cujo incentivos eram destinados para a Educação.

Apesar dos investimentos públicos e privados, o Censo Escolar de 2018, revelou dados alarmantes. De acordo com o relatório, as matrículas nas escolas públicas brasileiras vêm caindo desde 2014. O maior motivo de preocupação dessa queda é o Ensino Médio. Nos últimos cinco anos, foram menos 591 mil jovens matriculados, representando uma queda de 7%.

Ainda, 1,3 milhão de jovens brasileiros com idades entre 15 e 17 anos, estão fora da escola. Dos jovens com idade entre 15 e 29 anos, 35% só trabalham e não estudam e 23% não estudam nem trabalham. O desafio é imenso e preocupante, mas não se trata de um quadro irreversível.

Precisamos falar sobre a educação, conhecer melhor os problemas e aprender com o que está dando certo. Todos nós somos corresponsáveis pela qualidade do ensino e das condições de trabalho dos profissionais que compõem o sistema de ensino do Brasil.

Por isso, a mobilização #Nem1PraTrás é tão importante e merece nossa atenção. Além das ações que estão sendo realizadas em diversas plataformas de mídia, incluindo nos canais de todos os parceiros da iniciativa, no dia 28 de abril deste ano, domingo, o canal Futura terá 24 horas de programação exclusiva sobre educação.

Faça a sua parte! Mobilize-se com a gente!

E você? Deseja aderir, agir e se engajar em prol do movimento? Se sim, acesse o Guia de atividades da mobilização. Além de conter sugestões de atividades presenciais e virtuais, o guia disponível em http://www.diadaeducacao.org, possui diversos materiais para você compartilhar.

Todas as pessoas podem participar. Afinal, a meta é não deixar nenhuma criança, jovem ou adulto sem seu direito à Educação. E para que isso aconteça, precisamos trabalhar juntos.  Mas enquanto não vencemos esse desafio, nosso lema seguirá sendo: #Nem1PraTras,  #Nem1SemEscola, #Nem1SemProfessor e #Nem1SemAprender.

Para entender melhor: